quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Verdades inconvenientes sobre Dilma e PT:

Parece que o clima "conspiratório" de Arquivo X está se fazendo presente no país, com PT fazendo o papel de sindicato das sombras:

video

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Artigo sobre Lula - DEVASTADOR!:

TÍTULO DO ARTIGO: A CAMINHO DOS 99,9999995%

Há poucos dias, a imprensa anunciou amplamente que, segundo as últimas pesquisas de opinião, Lula bateu de novo seus recordes anteriores de popularidade e chegou a 84% de avaliação positiva. É, realmente, algo “nunca antes visto nesse país” e eu fiquei me perguntando o que poderemos esperar das próximas consultas populares.

Lembro-me de que quando Lula chegou aos 70% achei que ele jamais bateria Hitler, a quem, em seu auge, a cultíssima Alemanha chegara a conceder 82% de aprovação.

Mas eu estava enganado: nosso operário-presidente já deixou para trás o psicopata de bigodinho e hoje só deve estar perdendo para Fidel Castro e para aquele tiranete caricato da Coreia do Norte, cujo nome jamais me interessei em guardar. Mas Lula tem uma vantagem sobre os dois ditadores: aqui as pesquisas refletem verdadeiramente o que o povo pensa, enquanto em Cuba e na Coreia do Norte as pesquisas de opinião lembram o que se dizia dos plebiscitos portugueses durante a ditadura lusitana: SIM, Salazar fica; NÃO, Salazar não sai; brancos e nulos sendo contados a favor do governo.. Portanto, a popularidade de Lula ainda “tem espaço” para crescer, paraempregar essa expressão surrada e pedante, mas adorada pelos economistas.. E faltam apenas cerca de 16% para que Lula possa, com suas habituais presunção e imodéstia, anunciar ao mundo que obteve a unanimidade dos brasileiros em torno de seu nome, superando até Jesus Cristo ou outras celebridades menores que jamais conseguiram livrar-se de alguma oposição...

Sim, faltam apenas 16% mas eu tenho uma péssima notícia a dar a seu hipertrofiado ego: pode tirar o cavalinho da chuva, cumpanhero, porque de 99,9999995% você não passa.

Como você não é muito chegado a Aritmética, exceto nos cálculos rudimentares dos percentuais sobre os orçamentos dos ministérios que você entrega aos partidos que constituem sua base de sustentação no Congresso, explico melhor: o Brasil tem 200.000.000 de habitantes, um dos quais sou eu. Represento, portanto, 1 em 200.000.000, ou seja, 0,0000005% enquanto os demais brasileiros totalizam os restantes 99,9999995%. Esses, talvez, você possa conquistar, em todo ou em parte. Mas meus humildes 0,0000005% você jamais terá porque não há força neste ou em outros mundos, nem todo o dinheiro com que você tem
comprado votos e apoios nos aterros sanitários da política brasileira, não há, repito, força capaz de mudar minha convicção de que você foi o pior dentre todos os presidentes que tive a infelicidade de ver comandando o Brasil em meus 65 anos de vida.

E minha convicção fundamenta-se em um fato simples: convenci-me de que na raiz de tudo está a mentalidade dominante no Brasil, essa mentalidade dos que valorizam a esperteza e o sucesso a qualquer custo; dos que detestam o trabalho e o estudo; dos que buscam o acesso ao patrimônio público para proveito pessoal; dos que almejam os cabides de emprego, as sinecuras e os cargos fantasmas; dos que criam infindáveis dinastias nepotistas nos órgãos públicos; dos que desprezam a justiça desde que a injustiça lhes seja vantajosa; dos que só reclamam dos privilégios por não estar incluídos entre os privilegiados; dos que enriquecem através dos negócios sujos com o Estado; dos que vendem seus votos por uma camiseta, um sanduíche ou, como agora, uma bolsa família; dos que são de tal forma ignorantes e alienados que se deixam iludir pelas prostitutas da política e beijam-lhes as mãos por receber de volta algumas migalhas do muito que lhes vem sendo roubado desde as origens dos tempos; dos que são incapazes de discernir, comover-se e indignar-se diante de infâmias.

Pense a maioria o que quiser, diga a maioria o que disser, não mudarei minha convicção de que este País só deixará de ser o que é – uma terra onde as riquezas produzidas pelo suor da parte honesta e trabalhadora é saqueada pelos parasitas do Estado e pelos ladrões privados eternamente impunes – quando a mentalidade da população e de seus representantes for profundamente mudada.

Mudada pela educação, pela perseverança, pela punição aos maus, pela recompensa aos bons, pelo exemplo dos governantes.

E você Lula, teve uma oportunidade única de dar início à mudança dessa mentalidade, embalado que estava com uma vitória popular que poderia fazer com que o Congresso se curvasse diante de sua autoridade moral, se você a tivesse.

Você teve a oportunidade de tornar-se nossa tão esperada âncora moral, esta sim, nunca antes vista nesse País.

Mas não, você preferiu o caminho mais fácil e batido das práticas populistas e coronelistas de sempre, da compra de tudo e de todos.

Infelizmente para o Brasil, mas felizmente para os objetivos pessoais seus e de seu grupo, você estava certo: para que se esforçar, escorado apenas em princípios de decência, se muito mais rápido e eficiente é comprar o que for necessário, nessa terra onde quase tudo está à venda?

Eu não o considero inteligente, no sentido estrito da palavra, porque uma pessoa verdadeiramente inteligente, depois de chegar aonde você chegou, partindo de onde você partiu, não chafurdaria nesse lamaçal emque você e sua malta alegremente circulam, nem se entregaria a seu permanente êxtase de vaidade e auto idolatria.

Mas reconheço em você uma esperteza excepcional: nunca antes nesse País um presidente explorou tão bem, em proveito próprio e de seubando, as piores qualidades da massa brasileira e de seus representantes.

Esse é seu legado maior, e de longa duração: o de haver escancarado a lúgubre realidade de que o Brasil continua o mesmo que Darwin encontrou quando passou por essas plagas em 1832 e anotou em seu diário: “Aqui todos são subornáveis”.

Você não inventou a corrupção brasileira, mas fez dela um maquiavélico instrumento de poder, tornando-a generalizada e fazendo-a permear até os últimos níveis da Administração.

Você é o sonho de consumo da banda podre desse País, o exemplo que os funcionários corruptos do Brasil sempre esperaram para poder dar, sem temores, plena vazão a seus instintos.

Você faz da mentira e da demagogia seu principal veículo de comunicação com a massa.

Você mentiu quando disse haver recebido como herança maldita a política econômica de seu antecessor, a mesma política que você manteve integralmente e que fez a economia brasileira prosperar.

Você mentiu ao dizer que não sabia do Mensalão.
Mentiu quando disse que seu filho enriqueceu através do trabalho.
Mentiu sobre os milhões que a Ong 13, de sua filha, recebeu sem prestar contas.
Mentiu ao afastar Dirceu, Palocci, Gushiken e outros cumpanheros pegos em flagrante.
Mente quando, para cada platéia, fala coisas diferentes, escolhidas sob medida para agradá-las.
Mentiu, mente e mentirá em qualquer situação que lhe convenha.

Por falar em Ongs, você comprou a esquerda festiva, aquela que odeia o trabalho e vive do trabalho de outros, dando-lhe bilhões de reais através de Ongs que nada fazem, a não ser refestelar-se em dinheiro público, viajar, acampar, discursar contra os exploradores do povo e desperdiçar os recursos que tanta falta fazem aos hospitais.

Você não moveu uma palha, em seis anos de presidência, para modificar as leis odiosas que protegem criminosos de todos os tipos neste País sedento de Justiça e encharcado pelas lágrimas dos familiares de tantas vítimas.

Jamais sua base no Congresso preocupou-se em fechar ao menos as mais gritantes brechas legais pelas quais os criminosos endinheirados conseguem sempre permanecer impunes, rindo-se de todos nós.

Ao contrário, o Supremo, onde você tem grande influência, por haver indicado um bom número de Ministros, acaba de julgar que mesmo os condenados em segunda instância podem permanecer em liberdade, até que todas as apelações, recursos e embargos sejam julgados, o que, no Brasil, leva décadas.

Lula, você não tem nem nunca teve ideais, apenas ambições.

Você jamais foi inspirado por qualquer anseio de Justiça. Todas as suas ações, ao longo da vida, foram motivadas por rancores, invejas, sede pessoal de poder e irrefreável necessidade de ser adorado e ter seu ego adulado.

Seu desprezo por aquilo que as pessoas honradas consideram Justiça manifesta-se o tempo todo: quando você celeremente despachou para Cuba alguns pobres desertores que aqui buscavam a liberdade; quando você deu asilo a assassinos terroristas da esquerda radical; quando você se aliou à escória do Congresso, aquela mesma contra quem você vociferava no passado; quando concedeu aumentos nababescos a categorias de funcionários públicos já regiamente pagos, às custas dos impostos
arrancados do couro de quem trabalha arduamente e ganha pouco; quando você aumentou abusivamente as despesas de custeio, sabendo que pouquíssimo da arrecadação sobraria para os investimentos de que tanto carece a população; quando você despreza o mérito e privilegia o compadrio e o populismo; e vai por aí... Justiça, ora a Justiça, é o que você pensa...

Você tem dividido a nação, jogando regiões contra regiões, classes contra classes e raças contra raças, para tirar proveito das desavenças que fomenta.

Mas você, no íntimo, despreza o ensino, a educação e a cultura, porque conseguiu tudo o que queria, mesmo sendo inculto e vulgar. Além disso, melhorar a educação toma um tempo enorme e dá muito trabalho, não é mesmo?

E se há coisa que você e o Partido dos Trabalhadores definitivamente detestam é o trabalho: então, muito mais fácil é o atalho das cotas, mesmo que elas criem hostilidades entres as cores, que seus critérios sejam burlados o tempo todo e que filhos de negros milionários possam valer-se delas.

A Imprensa faz-lhe pouca oposição porque você a calou, manipulando as verbas publicitárias, pressionando-a economicamente e perseguindo jornalistas.

O que houve entre o BNDES e as redes de televisão?
O que você mandou fazer a Arnaldo Jabor, a Boris Casoy, a Salete Lemos?

Essa técnica de comprar ou perseguir é muito eficaz. Pablo Escobar usou-a com muito sucesso na Colômbia, quando dava a seus eventuais opositores as opções: “O plata, o plomo”. Peça ao Marco Aurélio para traduzir. Ele fala bem o Espanhol.

Você pode desdenhar tudo aquilo que aqui foi dito, como desdenha a todos que não o bajulem.

Afinal, se você não é o maior estadista do planeta, se seu governo não é maravilhoso, como explicar tamanha popularidade?

É fácil: políticos, sindicatos, imprensa, ONGs, movimentos sociais, funcionários públicos, miseráveis, você comprou com dinheiro, bolsas, cotas, cargos e medidas demagógicas.

Muita gente que trabalha, mas desconhece o que se passa nas entranhas de seu governo, satisfez-se com o pouco mais de dinheiro que passou a ganhar, em consequência do modesto crescimento econômico que foi plantado anteriormente, mas que caiu em seu colo.

Tudo, então, pode se resumir ao dinheiro e grande parte da população parece estar disposta a ignorar os princípios da honradez e da honestidade e a relevar as mentiras, a corrupção, os desperdícios, os abusos e as injustiças que marcam seu governo em troca do prato de lentilhas da melhoria econômica.

É esse, em síntese, o triste retrato do Brasil de hoje... E, como se diz na França, “l´argent n´est tout que dans les siècles où les hommes ne sont rien”.

Você não entendeu, não é mesmo? Então pergunte à Marta. Ela adora Paris e a gente sustentou seu gigolô franco-argentino por um bom tempo...

Gilberto Geraldo Garbi

terça-feira, 28 de setembro de 2010

O Intrigante Iraque:

Você sabia que a terra onde se disputa uma guerra com interesses mundiais
em razão do petróleo
possui memoráveis histórias e
mitos da civilização?
Se você não sabe, veja a seguir:

Que o jardim do Éden era no Iraque.


Mesopotâmia, onde agora é o Iraque, foi o berço da civilização.
Noé construiu a Arca no Iraque.
A torre de Babel ficava no Iraque.
Abraão era de Ur, que ficava no sul do Iraque.

A esposa de Isaac, Rebeca, era de Nahor, que ficava no Iraque.

Jacó encontrou-se com Raquel no Iraque.

Jonas rezou em Nínive, que ficava no Iraque.


A Assíria, que ficava no Iraque, conquistou as dez tribos de Israel.
Babilônia, que ficava no Iraque, destruiu Jerusalém.
Daniel esteve na cova dos leões. Onde? No Iraque!
Baltazar, rei de Babilônia, viu a "escrita na parede" no Iraque.
Nabucodonosor, rei da Babilônia, carregou os judeus prisioneiros através do Iraque.

Ezequiel fez suas orações no Iraque.
Os Reis Magos eram do Iraque.





Pedro também fez orações no Iraque.


O "império do homem", descrito na Revelação, era a chamada Babilônia, uma cidade do Iraque.



E provavelmente você não sabe estas:


A palavra Mesopotâmia significa"entre dois rios", mais exatamente entre os Rios Tigre e Eufrates.


O nome Iraque significa "País com Raízes Profundas".
Certamente o Iraque é um país com raízes profundas e de enorme importância na Bíblia.
Exceto Israel, nenhuma outra nação tem mais história e profecias associadas a ela do que o Iraque.
Israel é a terra mais mencionada na Bíblia. Mas você sabe qual a segunda?Isso mesmo!IRAQUE, que, na Bíblia, corresponde a nomes como Babilônia, terra de Shinar, Mesopotâmia.
Agora, uma informação no mínimo curiosa:
Sabendo que a América é representada por uma águia, como será que o Bin Laden interpretou o seguinte trecho do Corão:
(..." aquele descrito como o filho da Arábia será acuado por uma águia amedrontadora. As garras da águia serão sentidas por todas as Terras de Alá e Lot, quando alguns dos povos tremerão no desespero e no júbilo. Quando as garras da águia limparem as terras de Alá, haverá Paz. " ) - Corão (9:11).
Prestou atenção no número do verso do Corão? 9:11 (setembro, 11)

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Bolsa de Valores de Milão ganha escultura com dedo médio em riste:


Políticos e intelectuais reclamaram da exposição de obra 'provocadora'.
Istalação de marfim ficará em praça pública até 3 de outubro.


Uma escultura de marfim de uma mão decepada com o dedo médio em riste começou a ser exibida na Bolsa de Valores de Milão, provocando debate na capital financeira da Itália.

A instalação de onze metros, chamada "L.O.V.E.", e mostrada pela primeira vez em Milão, integra a retrospectiva dedicada ao artista contemporâneo italiano Maurizio Cattelan, cujas obras provocativas incluem uma escultura retratando o papa João Paulo II sendo atingido por um meteorito.

"As obras de Cattelan propõem um questionamento da nossa era, oferecendo-se como um espelho, ainda que partido, do nosso presente", disse Massimiliano Finazzer Flory, o representante de Cultura de Milão, em um comunicado.


A escultura 'L.O.V.E.' é vista nesta segunda-feira (27) em Milão. (Foto: Reuters)Cattelan despertou protestos em Milão, em 2004, com sua instalação de três bonecos de bebês enforcados no galho de uma árvore velha. Um manifestante serrou o galho, e a obra de arte acabou sendo removida.

A escultura do dedo, que satiriza a saudação nazista, faz parte de uma retrospectiva das obras de Castellan intitulada "Contra as Ideologias", promovida pela cidade de Milão, que se diz o terceiro maior mercado de arte contemporânea depois de Nova York e Londres.

A instalação gerou críticas por parte de políticos locais e de intelectuais sobre se é certo ou errado exibir um trabalho provocativo em um espaço público, como a praça Bourse.

Indagado sobre o significado da obra, Cattelan disse que seu trabalho era mais um ato de amor do que um comentário sobre o mundo financeiro.

"Ela trata, essencialmente, da imaginação", afirmou o artista, para repórteres, na semana passada.

A escultura irá permanecer em exibição até o dia 3 de outubro, enquanto outros três trabalhos pelo mesmo artista serão mostrados no Palácio Real de Milão, até 24 de outubro.

Entre eles figuram a escultura que mostra o papa João Paulo atingido por um meteorito, intitulada "La Nona Ora" ou "A Nona Hora, e duas obras sem título retratando uma mulher crucificada e um menino tocando tambor.

Pele de menina britânica se desprende 14 vezes ao dia:


Garota de 5 anos de idade é portadora de anomalia genética rara.
Ictiose lamelar é doença crônica caracterizada por descamação.


Annabelle Whitehouse leva uma vida normal, embora tenha de passar cremes e trocar bandagens com frequência (Foto: reprodução Mail Online)Annabelle Whitehouse, uma menina de 5 anos de idade, é portadora de uma doença genética rara que faz sua pele desprender 14 vezes ao dia. Por causa da anomalia, ela é obrigada a usar bandagens permanentemente. A garota, que vive no oeste da Inglaterra, foi diagnosticada com ictiose lamelar, uma dermatose (moléstia da pele) caracterizada pela formação de massas epidérmicas semelhantes a escamas de peixes.

A doença é crônica. Geralmente, a criança nasce como se estivesse envolta em uma membrana constritiva transparente que cobre todo corpo, chamada membrana colódia. Annabelle tem de se tratar com cremes especiais, aplicados em seu rosto e mãos – mais expostos ao ambiente – a cada 30 minutos. Ela também usa bandagens, que são trocadas quatro vezes ao dia, informa o site do jornal britânico “Daily Mail”.

Annabelle passou por orientação psicológica e, segundo seus pais, tem levado uma vida relativamente normal – o que inclui aulas de balé.

domingo, 26 de setembro de 2010

Einstein ou Monroe? Ilusão de Optica:


Quando olhas esta imagem de perto vês Albert Einstein. Mas se afastares a cerca de 5 metros vai transformar-se em Marilyn Monroe.
Não acreditas?....
Experimenta então (não tenha preguiça... levanta da cadeira )

Aplicativo de celular usa câmera para medir poluição do ar:


Um aplicativo desenvolvido para Android, sistema operacional mobile do Google, permite que o usuário tire uma foto do céu e receba informações sobre a qualidade do ar instantaneamente.

Com o aplicativo, batizado de "Visibility", cada foto tirada do céu por um usuário é "tagueada" com a orientação, localização e horário. Os dados são transferidos para um servidor, onde os cálculos são realizados. O nível da qualidade do ar é estimada após análise e comparação das imagens enviadas contra a intensidade de luminosidade no céu de um modelo existente, segundo os pesquisadores.

"Partículas de poluição atmosférica ameaçam nossa saúde e o meio ambiente", afirmam os pesquisadores em seu blog. "Estamos trabalhando com uma técnica ótica para medir a visibilidade do ar e, portanto, estimar a quantidade de alguns tipos de partículas suspensas na atmosfera usando câmeras e outros sensores disponíveis em smartphones", afirmam.
Criado por cientistas da Universidade do Sul da Califórnia, o aplicativo é gratuito e funciona com a versão 2.1 do Android, segundo o Wired Gadget Lab.

sábado, 25 de setembro de 2010

Christopher Nolan diz que continua trabalhando no roteiro de Batman 3


Christopher Nolan revelou que ainda está desenvolvendo o roteiro para o próximo filme do Batman. O diretor, que está reescrevendo os primeiros rascunhos de seu irmão, Jonathan, brincou que está "esperançoso" com um "sinal verde" da Warner Bros para fazer o filme.

"Não gosto muito de falar sobre projetos antes que eu esteja com eles nas mãos. Estou trabalhando no roteiro no momento. Meu irmão Jonah fez uns escritos e agora estou reescrevendo", disse durante uma coletiva na Itália para divulgar o filme A Origem.

Quando perguntado se o estúdio confirmou oficialmente o projeto, o cineasta de 40 anos comentou: "Nós temos uma data para o lançamento e enquanto estiver oficialmente anunciado, ok. Eles não me falaram que não querem fazê-lo, então estou esperançoso".

Batman 3 está agendado para estrear no dia 20 de julho de 2010. Em junho, Nolan comentou a possibilidade de convertar a sequência para 3D.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

O (hilário) ataque do panda contrariado:



O video acima é uma propaganda de gosto duvidoso. Foi feita para a campanha de TV de uma marca egípcia de laticínios e outros produtos alimentícios. Na série, quem recusa a aceitar a oferta de um lanche com o produtos Panda tem que enfrentar a ira de um urso panda que quebra tudo.

É interessante ver como o humor da propaganda indiretamente cutuca a campanha do panda como bicho fofo feita pelos ambientalistas. O panda é uma espécie ameaçada. Vive na China. Se alimenta de bambus. Tem reprodução difícil em cativeiro. Seu habitat está desaparecendo, graças ao descuido ambiental e ao crescimento econômico da China.

Mas ganhou fama de fofinho em uma estratégia de conquistar os corações conservacionistas apelando para o emocional. O bicho, no entanto, não é exatamente manso na vida real. Um panda irritado pode fazer bem mais estrago do que o ator fantasiado na propaganda egípcia. Será que se nós soubéssemos que o panda é um urso perigoso como qualquer outro urso (capaz de matar um humano em algumas circunstâncias), teríamos tanta simpatia por ele? Talvez sim. Os fofíssimos usos polares são um dos maiores predadores da Terra.

Bom. A campanha é só uma irreverência. É bom brincar com os mitos onde nos amarramos.

Pokemon – O Filme – Apokélypse



Bem feito, obiviamente fake, meu medo é que façam um filme que acabe sendo tão pavoroso quanto foi Dragon Ball!

As 30 melhores/piores rimas das eleições:



1.J. Santana aquele que não engana.
2.Seu voto é caro, vote Bilionário. (Mil de Lima)
3.O povo já sabe o que ele fez, por isso eu voto no Ademir Menezes. (porra Ademir, forçou a rima hein)
4.Muita gente anda mamando, ta na hora de votar Armando.
5.Não vote em branco, vote Preto Barranco.
6.Dinei, o candidato do povão e dos 100 anos do Timão.
7.Nakabashi Samurai, com ele a peteca não cai.
8.Sou o Leandro Amaral, o candidato 100% legal. (com uma rima pobre dessas você deve ser bem legal mesmo)
9.Ruim por ruim, vote Divinim.
10.Quem bate cartão, não vota em patrão, é a hora do Betão!
11.Vote Maisena, esse sim vale a pena. (vamos treinar essa rima né maisena, talvez alguma coisa com a mega-sena)
12.Oi, meu nome é Bill, você nunca me viu. Se você riu, vote no Bill! (se não riu vai pra puta que pariu?!)
13.Não fique confuso, vote Caruso.
14.Você me conhece e sabe o que eu fiz, ta na hora de continuar com Maninho Bem-Te-Vi. (A RIMA!!!?!! CADE!?)
15.Quem sabe sabe vota comigo Federal é Kassab Estadual é Rodrigo.
16.Defendendo os cãezinhos, vote veterinario Luizinho.
17.Meu número rima com meu nome, – -3 77 é pra lembrar da Marcilia Marinete. (rima com outras coisas mais faceis de lembrar tb senhorita Marinete)
18.São 4 números para o sucesso, vote Paulinho Bom Sucesso. (Sucesso rimando com sucesso, ai sim! Não tem como errar!)
19.Janeiro, Fevereiro e Março, lembre dos meses e confirme Pablinho Picasso. (Você poderia parar de pintar quadros e se juntar ao Caju e Castanha né?)
20.Zé Mico Leão, nada de mico durante a minha gestão.
21.Morde forte dentadura! É a hora do Marlyn Rapadura!
22.Por todo vale do ribeira e região, Moacyr Brandão o candidato piradão.
23.Seu filho ta drogado? Lembre do Fininho Apolinario. Drogas tem salvação é só lembrar nas eleição. (nAS eleiÇÃO!!?!nAS eleiÇÃO!!?!!!!!!? AHHH PQP!)
24.Confirma que confirma é a vez do Jairo Kaciba.
25.Pra deputado não se engane, vote no Hernanes. (q?)
26.Pense com carinho, vote Jairinho. Vai. (pedindo com carinho, da ate vontade de votar no Jairinho..)
27.É hora de bater o martelo, com consciencia….juiz Fernando Melo!
28.Lembra do João Queirós? O amiiiigo de todos nós!
29.Pior que ta, fica sim, contra os palhaços em Brasilia, Ricardo Martin. (também conhecido na 5 série como Rick Martin)
30.Vote Tiririca, pior que ta não fica. (um claaaaaassico)

Monstros do cinema em quadros famosos:

Alguém conseguiu imaginar como seriam famosos monstros do cinema, em obras de arte, e quadros famosos do mundo...









































(fonte Medo B)